Para estudar o caráter de uma pessoa ou de suas tendências sicológicas é conveniente seguir o seguinte procedimento. Tenho de lembrar que a informação baseia-se na astrologia tradicional. É a que eu considero que funciona e nos dá uma sólida base de conhecimento:
As diretrizes a seguir seriam as seguintes:
Em primeiro lugar há de se observar a distribuição dos planetas no tema em sinais positivos e negativos, em seguida, em signos cardinais, fixos e mutáveis, e, finalmente, em sinais de fogo, terra, ar e água. Há que se observar que tipo de sinais se situam a maioria dos planetas. Esta observação permite formar uma primeira opinião.
Em segundo lugar há que se observar a posição em que o tema dos planetas e signos importantes ou significadores do caráter, que são:
Sol, lua, ascendente, regente, mercúrio.
Devemos ter em conta que o tema de um homem que a influência do Sol é a que domina, enquanto que em um tema feminino, é a da Lua.
O papel que desempenha cada um dos significadores do caráter tem sido estabelecido do seguinte modo:
O SOL rege o espírito, a vontade, a individualidade. As forças potenciais, as qualidades e possibilidades latentes que são fruto da evolução. A ética. O “Eu” superior.
LUA: rege a personalidade, as tendências pessoais, emoções e a subjetividade. O “Eu” inferior.
O ASCENDENTE, O REGENTE, OS PLANETAS NA CASA I: aplicam-se as disposições hereditárias, o temperamento, os instintos. A aparência física. A exterioridade.
MERCÚRIO rege a mente, o intelecto, a forma de se expressar, o contato com o ambiente. O raciocínio (examinar também sobre este tema a Casa III. Para a mente abstrata olhar também Urano e a Casa IX). Para o intelecto em geral: os signos de ar.
Observar todos os planetas em geral, tendo em conta a sua influência sintética, que é a seguinte:
Sol: vontade
Lua: imaginação, memória
Mercúrio: inteligência
Lua e Vênus: isolando –
Marte: atividade, energia
Júpiter: expansão, ideal
Saturno: estabilidade, seriedade
Urano: originalidade
Netuno: inspiração ou espiritualidade.
Há que ter em conta o dominante, a força e a elevação dos planetas, os que ocupam os ângulos do tema, bem como as conjunções múltiplas (stellium).
Do ponto de vista psicológico, Mercúrio tem uma importância primordial, já que governa o aspecto intelectual ou racional, que é o próprio do ser humano, por oposição ao aspecto animal e instintivo, que é regido pela Lua ou Marte. De acordo com a força e a posição desses fatores pode determinar se é a razão e o instinto, o que predomina no indivíduo.
Haverá que ter em conta o seguinte:
Estas são algumas indicações para interpretar o personagem em ‘um mapa astral’.