Um aspecto é um ângulo determinado entre dois planetas. Por exemplo, se dois planetas se encontram, vistos da Terra, no mesmo ângulo, o aspecto é de 0º. Recebe a denominação de conjunto. Os aspectos astrológicos brincos de comentar no artigo anterior são o semisextil, 30º, o quincúncio, 150º, a semicuadratura, 45º e a sesquicuadratura, 135º.
Em seguida, analisamos cada um deles.
O semisextil
Trata-Se de um aspecto fraco, mas, de qualquer forma, algo mais difícil que o sextil. Corresponde à divisão do círculo do zodíaco em doze partes, pelo que, em comparação com o sextil, acrescenta uma dupla divisão (4 x 3). A tarefa do semisextil consiste em descobrir o que há diferentes as coisas. Há que reconhecer a matéria no âmbito de sua polaridade, antes de poder passar para o criativo (o número 3). De acordo com a correspondência do sistema de casas, este aspecto conduz-nos às casas XII ou II, esferas muito diferentes da primeira casa.
O quincúncio
Surge de dividir o círculo zodiacal por doze (4 x 3) e multiplicá-lo por cinco. Deste modo, nós multiplicamos o aspecto de 30 graus (o semisextil( com o livre arbítrio do ato criativo (o número 5). Nesse sentido, nos deparamos com a combinação da descoberta ou reconhecimento trabalhado e a liberdade da decisão criadora (número 5).
A missão deste aspecto é a seguinte: de acordo com o nosso nível de consciência, temos de decidir livre e pessoalmente, se unirmos ou não os planetas que apresentam este aspecto quincúncio, ninguém nos obriga, somos livres para escolher, mas, se não aproveitamos esta liberdade de escolha, andamos para trás, caímos em fase regressiva e desculpem-nos mais tarde. Por isso chamamos a este aspecto o ângulo da decisão, também, o aspecto da saudade. Temos de tomar a decisão, pois, se não o fizermos, sentiremos saudade do que poderia ter conseguido se não tivéssemos desperdiçado nossa oportunidade. Em relação às analogias com o sistema de casas, o quincúncio está associada às domificaciones sexta e oitava. A casa VIII responde a uma crise do eu que deve ser superada por meio do trabalho (casa VI) e levar a uma nova orientação. No caso de que nós rejeitamos o trabalho (casa VI), retrocedermos à temática negativa da casa VIII, com o consequente efeito de nos tornarmos dependentes de você e da sociedade.
A semicuadratura e
a sesquicuadratura
A semicuadratura é o resultado de dividir o círculo zodiacal por oito. O multiplicar-se à ela por três origina a sesquicuadratura. Em comparação com a quadratura, ambos apresentam uma divisão por 2. Ao operar com uma divisão maior, reduz-se a intensidade do olhar. Consequentemente, nem a semicuadratura nem na sesquicuadratura podemos ver claramente uma ligação ao trabalho, ao esforço e à superação dos obstáculos, como no caso da quadratura. Assim, a semicuadratura apresenta um efeito de separação, de ruptura na estrutura, de distorção no fluir harmonioso, mas nem sempre somos conscientes de que esse efeito.
Se não estamos muito preocupados, a semicuadratura, unida a outros aspectos, pode jogar um papel relevante no desencadeamento dos acontecimentos. Todos nós sabemos que o que não integramos conscientemente em nós mesmos se manifesta na forma de destino ou de acontecimentos externos, por conseguinte, é conveniente lidar com a quadratura depois de fazer uma extensa análise do mapa natal.
A temática da sesquicuadratura é semelhante à da semicuadratura, mas aquela, além da divisão por oito, também inclui a multiplicação por três, em consequência, a sesquicuadratura acrescenta possibilidades de superar a temática de forma mental (o número 3). Naturalmente, isso é só viável se somos conscientes da temática, o que não acontece muito frequentemente.
Acabamos de resumir brevemente o significado dos aspectos principais. A partir de agora, só discerniremos entre conjunção, aspectos tensos e aspectos harmônicos, o motivo está em que os aspectos ambivalentes (semisextil, quincúncio…( são vividos pela pessoa que lhe correspondem como harmônicos ou não harmônicos, dependendo do que você, conscientemente, o que esta pessoa trabalhe esse tipo de configuração.
A esse respeito, nos arriscamos mesmo a apontar que a meta de toda individuação ou evolução pessoal consiste em converter os aspectos tensos em uniões planetárias harmônicas. Observamos que pessoas com alto grau de evolução trabalharam estes aspectos tensos e chegaram a expressá-los positivamente. Ao ler os textos sobre os aspectos, teremos de ter em conta os aspectos harmônicos no caso de trabalhar com o mapa natal de uma pessoa muito consciente, pois o que permanece sempre em tais casos, é o contato qualitativa das diferentes energias planetárias. Ou seja, a qualidade da aspectación no sentido de aspectos tensos ou harmônicos apenas faz ato de presença.